quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Palavras de Lucas

    Escrever parece algo comum para muitos. Escrever bem é um dom que alguns recebem. Conseguir colocar em palavras o que sente é admirável para mim, por isso mesmo hoje to postando o que o Lucas escreveu :)

Minha utópica redenção

És como a sombra do medo e a angústia de um dardo,
Que me tortura ao atravessar o peito,
Que transigindo com a paixão,
Deixa-me apenas seu olhar taciturno como recordação.
E num arrogante crepúsculo, numa transição,
Encontro a vitalidade de minha solidão,
Tão ínfima e inconstante quanto meu coração,
Tão grande quanto a tristeza que resta a ser proclamada pelas palavras
Que saem dos teus doces lábios de falsidade e desilusão.
Nessa falsidade tu encontraras a vingança
Que ardera por tempos nos teus olhos
E que me levam a fatalidade ao embriagar-me entre as áureas vistas
Que me ofereces e me apaixona a cada beijo de incertezas,
As quais me destroem e me torturam como um sublime amador
Que me ataca ansiado na vingança de um perdedor,
Que sou eu,
Um mero fiador de suas próprias utopias.

Lucas Santos,  17/01/2012.

4 comentários:

  1. Esse Lucas,é um poeta! Ficou muito legal de verdade. Parabéns Marcelita, sempre olho teu blog e amo teus textos !! Beijo (:

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigada!!! Também to sempre conferindo teu blog ;D beijos!

    ResponderExcluir
  3. Gostei do seu blog e estou seguindo. Parabéns!
    Siga o meu também:
    http://amorsemfronteiras-anne.blogspot.com
    Bjoo!

    ResponderExcluir
  4. Muito obrigada! =)) irei conferir o seu :]
    beijos!

    ResponderExcluir